sábado, 29 de agosto de 2009

Quando Amanhecer - parte I

Era Janeiro, final de janeiro. Gabriela se acabava em mais uma festa com seus amigos. Já era 2 da manhã e todos eles estavam bêbados, concientes e pedindo mais. A pista de dança estava com pouca iluminação, as luzes piscavam e milhares de musicas faziam essa garota que parecia incontrolável se soltar, foi assim por horas, até que ela o viu. Marcelo , esse era o nome do cara quase nerd que fez o coração de Gabriela bater mais forte, ele era o tipo 'casavel' inteligente, bunitinho, romantico... tudo que uma garota quer, e Gabriela então , era mais do que querer. Ela passou a madrugada inteira olhando o cara, trocando alguns olhares e até arriscou trocar algumas palavras com ele no meio daquela pista de loucos, não deu certo. Depois de algumas horas e algumas mais latinhas, quase já amanhecendo, ela criou coragem e foi até ele. Bêbado é tudo igual, diz o que acha que pensa e no final nem se lembra do que disse, mas Marcelo era um garoto engraçado e admitiu que até achou bunitinho a cena de garota dizendo que não viviria sem ele. Era 6 da manhã Gabriela e Marcelo saiam de mãos dadas da festa e uma garrafa de whisky na outra mão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário